Segunda-feira, 15 de Março de 2004

...

Tanta coisa aconteceu...e eu continua a reclamar de me sentir vazia por dentro, tanta coisa tenho de fazer e mais uma vez continuo a reclamar da solidão. Muitos acreditam em mim ou pelo menos o dizem , mas apesar das suas palavras não consigo acreditar porquê pergunto-me eu. Porque não acredito nas palavras que ouço se é o que desejo ouvir. Sou uma inconstante constante. Hoje ouvi palavras em volta palavras sinceras que ilumiram-me um caminho a seguir, mas....
Diario do meu coração - quero esquecer que tenho coração próprio, que sinto o que sinto, mas muito mais que isso quero esquecer o que vivi e tanto o desejei que esqueci a dor, o sofrimento, as lagrimas e aquele desespero que me levou a pensamentos....a actos de loucura. Já vivi os meus momentos de insanidade e agora de cabeça erguida de olhos abertos com algumas feridas abertas, não posso negar sigo um caminho que se avizinha duro. Digo que sinto força que é por aqui que quero...que devo seguir mas não posos negar que tenho receio de viver, reviver aquela dor aquele sofrimento que é o desespero de nada sentir, de me sentir solta no mundo como se nada me agarrase aqui. Por tempos e tempos olhei em volta na esperança de encontrar em alguem a certesa de percencer a este mundo. Foi no entanto no desespero, ao vive-lo intensamente como vivi que compreendi que apenas depende de mim. Digo hoje nos olhos de quem quizer que estou aqui e aqui vou ficar ate ter que partir, pertenço a este mundo e este mundo me pertençe. Quem ao meu lado quizer estar muito tem a ganhar ou pelo menos nada tem a perder pois em lado algum iram conseguir encontrar alguém como EU. Sou inseguro e com bastantes defeitos mas alguem especial como eu? Dúvido que encontrem, podem procurar debaixo de pedras ou mesmo escavar no meio do deserto que alguem como eu jamais encontraram. Não me julguem pertenciosa pois acredito que cada pessoa seja única e especial no mundo temos é de encontrar dentro de nós o detalhe que nos torna ainda mais especial e eu julgo que encontrei o meu mas aceito sugestões....
publicado por Mulher Especial às 01:57
link do post | favorito
De luar_triste a 15 de Março de 2004 às 10:47
serranopedro2004, Bom Dia, eu sei que tneho valor mas o sentir que não consigo alcaçar o que desejo, ou perder sempre batalhas atras de batalhas faz-me pensar o pior de mim, mas o sentir que existe tanta gente que acredita em mim faz-me questionar. Não acredito ter todo o valor que dizem que tenho mas também sei e tenho a certesa de que sou diferente mais não seja porque sou para os outros o melhor, dando sempre aquilo que eles precisam quando precisam. Sei que sou especial porque consigo descobrir os detalhes que fazem os outros sorrir e sempre que posso ou sempre que sinto que os outros precisam eu faço-os sorrir...nada existe de mais belo do que ver o sorriso de alguem...do que ouvir uma gargalhada de alguém quando essa pessoa menos desejava. Mas eu tneho amigos e talvez ate eles sintam que esotua ser injusta com eles, mas não me deixo de sentir só quando estamos juntos e os vejo cada um com a "sua cara metade" em troca de olhares complices e eu? Nunca tive isso, e porquê? Beijos e obrigada


Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.posts recentes

. My Life

. ...

. ...

. ...

. Diz-me que hei-de eu faze...

. Escreverei palavras sempr...

. ...

. ...

. ...

. ...

.arquivos

. Setembro 2007

. Junho 2004

. Abril 2004

. Março 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds